Rondônia, sexta-feira, 24 de novembro de 2017
 
 

Agência da ONU apresenta estratégia para livrar Brasil da hanseníase | Imagemnews.com.br Agência Imagemnews - Jornal Eletrônico, Notícias de Rondônia e Região Agência da ONU apresenta estratégia para livrar Brasil da hanseníase
23/10/2017 - 15:03 - ( Informe a categoria )

A Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) apresentou na quinta-feira (19) em Palmas, no Tocantins, a Estratégia Global para Hanseníase 2016-2020, durante a 1ª Conferência Livre de Vigilância em Saúde com ênfase nesse tema.

Para a consultora da representação da OPAS/OMS no Brasil, Vera Andrade, são necessárias rápidas e efetivas ações para impedir, principalmente, que crianças sejam infectadas pela doença.

“Precisamos seguir na direção da descoberta precoce dos casos de hanseníase, evitando a instalação de incapacidades físicas, e temos que perseguir com firmeza a oferta de um tratamento completo e humanizado. É preciso caminhar para diagnosticar e tratar as pessoas afetadas pela hanseníase o mais cedo e o mais perto possível de suas casas.”

De acordo com a consultora, a Estratégia Global é baseada no combate à hanseníase e suas complicações, no fortalecimento de parcerias, no enfrentamento da discriminação e na inclusão. “A intensa programação desta Conferência abre novas esperanças para que possamos alcançar um país com menor carga dessa doença”.


Foto EBC

Segundo ela, a implantação dessa estratégia é muito importante porque, embora a hanseníase esteja presente em 24 dos 35 países das Américas, todos eliminaram a doença como problema de saúde pública (menos de um caso por cada 10 mil habitantes) – exceto o Brasil. Por isso, a OPAS/OMS tem se empenhado em colaborar com as ações dos governos e instituições brasileiras.

Um exemplo é o “Projeto Abordagens Inovadoras para intensificar esforços para um Brasil livre da Hanseníase”, desenvolvido pelo Ministério da Saúde brasileiro em parceria com a OPAS/OMS e com apoio da Fundação Nippon, do Japão.

A iniciativa, que busca reduzir a carga de hanseníase, começa nesta semana (23 a 28) em 20 municípios dos estados do Maranhão, Mato Grosso, Pará, Pernambuco, Piauí e Tocantins. Essas localidades foram escolhidas por apresentaram o maior número de casos novos de hanseníase diagnosticados em menores de 15 anos.

O modelo adotado no projeto foi inspirado em uma experiência bem-sucedida desenvolvida na capital do Tocantins, chamada “Palmas livre de hanseníase” – inciativa que também conta com a colaboração da OPAS/OMS.

O projeto, que começou em maio de 2016, tem treinado profissionais da atenção básica do município para torná-los aptos a diagnosticar e tratar pacientes com a doença. Entre eles, os profissionais do programa Mais Médicos.


Hanseníase

A hanseníase é uma doença crônica infecciosa que afeta principalmente a pele, os nervos periféricos, a mucosa do trato respiratório superior e os olhos. Essa enfermidade tem cura e o tratamento prestado em seu estágio inicial evita deficiências.

O controle da hanseníase tem melhorado significativamente devido às campanhas nacionais e subnacionais na maioria dos países endêmicos. A integração dos serviços básicos de hanseníase aos serviços de saúde gerais tem feito o diagnóstico e tratamento da doença mais acessível.

De acordo com números oficiais de 121 países de cinco regiões da OMS, o número de novos casos registrados em 2014 foi de 213.899. Em 2013, foram notificados 215.656 novos casos e, em 2012, 232.857.

Nas Américas, o número de casos novos da doença diminuiu 35,8% em uma década – de 52.662 em 2004 para 33.789 em 2014, de acordo com informações da OPAS/OMS. No entanto, nos últimos cinco anos, foram detectados novos casos da doença em 24 países nas Américas, dos quais 94% foram localizados em território brasileiro.


Fonte : Imagem News    Autor : nacoesunidas.org

 
 
Nome :
E-mail :
Comentários :

 

Digite o código ao lado :
Code Image - Please contact webmaster if you have problems seeing this image code Mostrar outro código

 

 
Existem ( 0 ) Comentário(s)

 
 
Nome :

E-mail* :

Cadastrar Remover


Nosso Telefone : (69) 3229-0355 / (69) 8402-4833 E-mail : atendimento@imagemnews.com
Endereço: R. Joaquim Nabuco, 2507 sala 16 Bairro: centro Cidade : Porto Velho - Rondônia