Home Noticias 9 de julho em SP: é feriado ou ponto facultativo? Entenda

9 de julho em SP: é feriado ou ponto facultativo? Entenda

0
0
9 de julho em SP: é feriado ou ponto facultativo? Entenda

São Paulo — Na próxima terça-feira (9/7), o estado de São Paulo celebra a data que marca o início da Revolução Constitucionalista de 1932. E, sim, o dia é considerado feriado em todo o estado e terá interrupção de serviços públicos. A lei que marcou o dia foi sancionada em 1997, pelo então governador Mário Covas.

Neste ano, o dia da comemoração cai na terça-feira (9). A segunda (8), então, foi considerada ponto facultativo, com atividades suspensas para os servidores municipais da capital.

O que se comemora no 9 de julho

O feriado estadual celebra o dia 9 de julho de 1932, quando aconteceu levante armado que deu início a Revolução Constitucionalista, movimento que tinha como objetivo derrubar o governo provisório de Getúlio Vargas.

Vargas havia chegado à presidência dois anos antes pela Revolução de 1930 e enfrentava a oposição dos paulistas, que pediam a convocação de uma Assembleia Constituinte. A morte de quatros jovens em São Paulo — Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo — por tropas getulistas em maio de 1932 daria início a um movimento clandestino denominado MMDC, organizador da revolta armada.

O conflito contra o governo Vargas durou até 2 de outubro de 1932 e terminou com derrota. Mesmo assim, a participação das tropas paulistas, que lideraram o movimento, ganhou uma data para chamar de sua.

Confira abaixo o que funciona e o que ficará fechado:

  • Hospitais e serviços de saúde: unidades de Pronto Atendimento (UPA), prontos-socorros e hospitais municipais, além do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) funcionam normalmente;
  • Escolas públicas: não funcionam;
  • Serviços Administrativos e de utilidade pública: agências de Correio e postos do Poupa Tempo estarão fechados;
  • Transporte: os serviços de transporte atendem com funcionamento semelhante aos de domingo;

Fonte: Oficial