Home Economia Iguatemi compra parte do Shopping RioSul por R$ 360 milhões

Iguatemi compra parte do Shopping RioSul por R$ 360 milhões

2
0
Iguatemi compra parte do Shopping RioSul por R$ 360 milhões

A Iguatemi informou nesta última segunda-feira, 8, que firmou um acordo de investimento com a Combrashop para adquirir 54% do Shopping RioSul, situado no área nobre do Botafogo, no Rio de Janeiro.

O investimento da Iguatemi na compra do Shopping RioSul será aproximadamente de R$ 360 milhões, com 70% desse valor pago à vista e o restante em duas parcelas anuais ajustadas pelo CDI. O cap rate de entrada é de 7,7% sobre o NOI estimado de 2024.

A Iguatemi fará essa operação no Shopping RioSul em parceria com o fundo BB Premium Malls (BBIG FII) da BB Asset, inicialmente por meio da subscrição e integralização de CRIs.

Concluída a operação, a Iguatemi deterá 16,6% do Shopping RioSul, enquanto a Combrashop terá 50,1% e o BBIG FII ficará com 33,3%. Além disso, a Iguatemi será a nova administradora do shopping.

“A Iguatemi e o BBIG FII acordaram a subscrição e integralização de Certificados de
Recebíveis Imobiliários de emissão de uma sociedade da qual a Combrashop detém a totalidade das quotas representativas do seu capital social, cujos recursos serão
destinados pela Combrashop à aquisição das ações da BRASC”, informou a empresa por meio de fato relevante.

A companhia também disse que a operação “está alinhada à estratégia da Iguatemi de estar presente nas principais propriedades, nos mercados mais importantes do país, fortalecendo o seu portfólio de ativos.”

Recentemente, a Allos, concorrente da Iguatemi, assinou um documento vinculante com investidores para adquirir 54% da participação da Brookfield no Shopping RioSul. No entanto, as negociações foram interrompidas quando a Combrashop exerceu seu direito de preferência.

BlackRock aumenta participação no Iguatemi

No último ano, uma das maiores gestoras de investimentos do mundo, a BlackRock decidiu aumentar sua participação na administradora de shoppings centers Iguatemi.

Em ações preferenciais, a gestora passa a deter 5,066% da companhia. “O objetivo das participações societárias acima mencionadas é estritamente de investimento, não objetivando alteração do controle acionário nem da estrutura administrativa da companhia”, informou a BlackRock à época.

Fonte: Oficial